Sakamichi no Apollon: Episódio 02


“O verdadeiro amigo é aquele que já chega na voadora!”

 

E hoje estou inaugurando a seção Episódio a Episódio da Yokai Info, e hoje vou falar sobre o episódio 2 de Sakamichi no Apollon, então já deixo alertado aqui que se você não viu o episódio 1 eu não recomendo ler este texto pois pode conter SPOILERS.

O segundo episódio começa apresentando o que aconteceu no episódio passado, sobre o Sentarou falar para o Kaoru que ele não sabe tocar jazz. E após isso a cena em que ele pergunta para a Ritsuko qual a música que o Sentarou estava tocando no piano, então o pai dela diz que é “Moanin’ de Art Blakey and The Jazz Messengers”. Após isso começa a tocar a opening.

Então aparece um disco de vinil tocando o disco que ele comprou na loja do pai da Ritsuko, e ele começa a ouvir e a anotar as notas. Então ele aproveita que a tia dele foi ao mercado e então ele fala: “Tenho uma hora para conseguir ou desistir”, então ele vai até o piano e tenta executar o que ele aprendeu, mas já demonstra que ele não tem ritmo. Então ele fica subindo e descendo as escadas tentando tocar a tal música no piano.

Após todas essas tentativas ele aparece na escola, e enquanto anda ele move os dedos de uma forma de como se estivesse tocando piano e o Sentarou observa. Após algumas cenas ele sai correndo do colégio para chegar cedo em casa e ensaiar mais a música , só que acontece que algumas garotos o levam para longe do seu caminho forçadamente, eles levam para o que eu chamo de “Local do Bullying”, enfim, a Ritsuko vê o Kaoru sendo levado e começa a correr para pedir ajuda. Então os garotos amarram o Kaoru em uma estátua, enquanto isso a Ritsuko se encontra com o Sentarou e pede ajuda a ele, então os tais garotos tiram a calça dele e deixam ele de cueca. A partir daqui a ação começa, e aquele lema é aplicado: “O verdadeiro amigo é aquele que já chega na voadora!”, isso mesmo o Sentarou chega dando voadora em um dos infelizes, e o Sentarou vê que o garoto amarrado é o Ritsuko e resolve dar uma leve lição nos infelizes.

E a Ritsuko aparece e corta as cordas que amarravam o Kaoru, e ela pega eles literalmente com as “calças na mão”. E o lado homem do Kaoru resolve aparecer, então ele tenta ajudar o Sentarou só que acaba tropeçando e caindo com cara no poço, como não poderia ficar pior ele aproveita para jogar água nos garotos, então começa a correr até ele ser pego e morder o braço do cara. Então eles dão uma lição nos garotos e os garotos ameaçam eles pois aparentemente eles são da mesma sala. A Ritsuko demonstra preocupação com o Kaoru e pergunta se a testa dele está bem, mas então o Sentarou fala para ela não se preocupar com a testa dele, então ele pergunta se os dedos dele estão bem.

Após a briga eles vão para casa da Ritsuko e descem até o porão, então eles encontram alguém chamado de Jun que é o vizinho da Ritsuko, então conversa vai e conversa vem e o pai da Ritsuko desce no porão e resolvem tocar uma música. Eles começam a tocar e a pegar o ritmo aos poucos, então Sentarou manda o Ritsuko tocar piano, então ele começa a tocar e todos entram no ritmo, e acabam fazendo uma linda seção musical. Após toda essa música, o Jun convida o Ritsuko para tocar todos os dias no porão .

O Kaoru aproveita a situação em que se está sozinha com a Ritsuko e a convida para fazer a lição na casa dele, então ela aceita. Ela manda ele esperar atrás da igreja, então ele passa por lá e vê a Ritsuko e o Sentarou dentro da igreja. E pela surpresa não muito agradável, o Sentarou também irá junto com eles, o que era para ser um encontro acabou em mais um passeio de amigos, é meu amigo realmente está difícil de sair da friend zone não é?

Enfim, então eles fazem vários passeios, como andar de barco, nadar no rio, etc. Ao chegar em uma praia desconhecida em que o Kaoru os levou pois pelo jeito não sabe nem remar uma canoa, eles encontram alguns caras provocando uma garota e Sentarou resolve encarar eles e mandar eles pararem de incomodar a tal garota, então os garotos se sentem intimidados a saber quem ele é e resolvem sair correndo. A partir daí que a garota vira para ele e agradece pela ajuda, então Sentarou fica com um olhar fixo contra ela e os seus olhos brilham, e ela é realmente muito linda. É uma cena muito linda composta da seguinte frase: “Aquilo aconteceu num instante, não percebi o que tinha acabado de ocorrer, mas quando se trata de amor, não há motivo ou tempo.” Então é com essa linda e emocionante cena que o segundo episódio acaba.

A partir desse episódio eu já percebo a evolução que Sakamichi no Apollon irá tomar mais para frente, esse episódio reuniu todos os elementos, ação, lição de moral, união, amizade, fé e até mesmo o amor. E a animação continuou sendo pontual, e as OST’s cada vez melhores. Realmente foi um ótimo episódio.



E o amor está no ar *-*

Anúncios

Publicado em 25 de abril de 2012, em Episódio a Episódio e marcado como , , , , , . Adicione o link aos favoritos. Deixe um comentário.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: